OE 2013 não pode promover a precariedade!

Repudiamos o anúncio efetuado para o Orçamento de Estado 2013 de despedimentos de funcionários públicos com contrato a termo certo, que por si só é motivo de angústia e de desmotivação. A concretizar-se levará à extinção de equipas USF e à degradação da prestação de cuidados, facilitando falsos argumentos para a privatização. Defendemos que o OE 2013 garanta um Contrato por Tempo Indeterminado para todos profissionais de saúde das USF em situação precária e esperamos que os Grupos Parlamentares atuem de acordo com isso.

A USF-AN tem levado a cabo várias ações para defender a estabilidade nas equipas, nomeadamente a Petição a Favor da Manutenção das Equipas USF e continuará a pugnar pelo investimento nas USF e nos seus profissionais.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register