Audição da Comissão Eventual para o acompanhamento da aplicação das medidas de resposta à pandemia da doença COVID-19 e do processo de recuperação económica e social

No passado dia 27 de janeiro, a USF-AN participou na Audição da Comissão Eventual para o acompanhamento da aplicação das medidas de resposta à pandemia da doença COVID-19 e do processo de recuperação económica e social.

Esta sessão estava organizada da seguinte forma:

  1. 12 minutos de intervenção para cada representante das entidades presentes;
  2. Cada deputado tinha direito a fazer uma pergunta a cada representante das entidades presentes;
  3. Seguiu-se uma segunda ronda de perguntas para os interessados;
  4. Finalizou-se com uma intervenção de 6 minutos de cada representante das entidades presentes.

Nesta audição, a USF-AN teve a oportunidade de enumerar algumas áreas que carecem de investimento, especialmente as que estão diretamente ligadas a esta pandemia, nomeadamente:

  1. Necessário investimento em  infraestrutura, serviços e recursos humanos, englobando as várias profissões da saúde;
  2. Incentivo à recuperação da atividade assistencial, mas para todos os grupos profissionais das UCSP/USF (independentemente do modelo), em linha com o despacho que estabelece esta medida nos cuidados Hospitalares;
  3. Melhorar a plataforma TRACE Covid, de forma a retirar carga de trabalho aos profissionais que a utilizam; Garantir que todos os laboratórios (incluindo os hospitalares) disponibilizem automaticamente o resultado no TRACE Covid; Gerar automaticamente SINAVE med;
  4. Desburocratizar os CSP: retirar deste nível de cuidados várias burocracias que aumentam a sobrecarga de trabalho dos profissionais, fazendo perder o foco e energia do utente;
  5. Reduzir as burocracias dos anos de pandemia – assumir formalmente a suspensão temporária dos RA/PAUF referentes a estes 2 anos, trocando por planos de melhoria contínuos simples e direcionados às reais necessidades dos utentes;
  6. Resolver de modo célere e justo a indefinição da transição de unidades para modelo USF, nomeadamente na transição para modelo B; Está em causa a motivação e estabilidade das equipas e a crença na honestidade e boa fé das instituições governamentais e administrativas; Tentar evitar o descontentamento e eventual êxodo de profissionais pós pandemia;
  7. Assumir, de uma vez por todas e sem falhas, uma comunicação clara, para profissionais de saúde e utentes, sobre a vacinação COVID-19, para não gerar inquietações na população que consequentemente afetará o trabalho dos profissionais de saúde.

Muitos outros temas havia a elencar, contudo a organização da sessão não o possibilitou. Estamos disponíveis para voltar a dar o nosso contributo e esperamos que as ideias partilhadas, possam dar um contributo na melhoria dos CSP e SNS.

Assista à audição aqui.

A Direção

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!